Jovem de Camaragibe perde uma perna em acidente e pede ajuda para compra de prótese

Na esperança de voltar a ter uma vida normal, após sofrer um acidente que a deixou amputada de uma de suas pernas, a estudante de jornalismo e coordenadora Escolar, Renata Ferreira, de 29 anos, está com uma campanha para arrecadar dinheiro, com o objetivo de comprar uma prótese transfermural. O fato aconteceu no dia 18 de junho deste ano, no bairro de Alberto Maia, em Camaragibe, na Região Metropolitana do Recife.

Na ocasião, Renata saía de uma festa, com sua filha de 12 anos, e dois bebês, sendo um de 2 anos,  e um de 10 meses. Quando ela entrou na parte de trás do veículo, o mesmo começou a descer na rua que era de ladeira. Desesperada, ela resolveu abrir a porta e tentar buscar ajuda para parar o carro, e acabou tendo a perna cortada pela soleira, que se chocou contra a calçada e se transformou em uma lâmina em contato com a perna de Renata. Tirando o traumático fato de ver a mãe nesse estado, felizmente os filhos não sofreram danos físicos.

Na ocasião, Renata foi socorrida por familiares e levada ao Hospital São Marcos, no Recife, onde teve a perna amputada. Hoje, ela faz parte de um grupo de amputados, que a tem ajudado bastante em sua reabilitação.

A jovem conta ainda que, no início ela ainda tinha um pouco de preconceito com a amputação e sentia vergonha de sair de casa. Ela não gostava da ideia de que as pessoas a vissem nessa situação. “Eu tenho aprendido constantemente com esse grupo de amputados tenho em tirado bastante soluções. Além disso, deixei de ter preconceito, parei de ter vergonha. Porque no início eu não queria que as pessoas me vissem como eu estou, mas hoje eu já saio de casa, uso shortinho, vou ao supermercado, passeio e não tenho vergonha mais, como eu tinha nos primeiros dias”, relatou Renata.

Com o apoio de amigos e familiares, a jovem mãe contou que não se deixou levar pela tristeza ao perder o membro, principalmente porque nada aconteceu a seus filhos. “Até então, o que eu tenho em mente é que não adianta eu ficar em depressão, chorar, porque nada disso vai trazer minha perna de volta. Então, é o que eu tenho pensado desde o dia que aconteceu que agora é seguir em frente porque se Deus permitiu que eu permanecesse aqui na terra, é porque eu tenho um propósito a cumprir. E enquanto esse propósito não for revelado eu vou seguir em frente, confiante que dias melhores virão”, completou.


Renata hoje vive na esperança de poder voltar a andar, com a ajuda de uma prótese transfermural. Para poder realizar esse sonho, ela necessita de doações, e por isso, ela mesma resolveu iniciar uma campanha “Ajude Renata Voltar a Andar” para arrecadação de ajuda para a compra dessa prótese, que custa R$ 30 mil, por meio do site ‘vakinha’. Para participar da campanha, é só acessar https://www.vakinha.com.br/vaquinha/compra-de-protese-transfermural  e realizar a doação de qualquer quantia, com opções de pagamento por boleto ou cartão de crédito. Para acompanhar a história de Renata, o perfil no Facebook dela é o Renata Cross e no instagram é o @renata.cross.
Jovem de Camaragibe perde uma perna em acidente e pede ajuda para compra de prótese Jovem de Camaragibe perde uma perna em acidente e pede ajuda para compra de prótese Reviewed by Wagner Santos on setembro 21, 2017 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.